DORMINDO NO COLO DE DALILA - Pr. Fábio Tenório

O QUE FAZ UM LÍDER CHEIO DO ESPÍRITO SANTO SE RENDER AO DIABO?

 

Mensagem ministrada pelo Pr. Fábio Tenório no culto de ensino do dia 30 de abril de 2010.

 


Leitura:Juízes 16:18 e 19. (Sansão) Romanos 13.11 e Juizes 16-19
Sansão, cujo nome significava "homem do sol", era um nazareno dotado de extraordinária força. Era um dos juízes bíblicos cuja história está descrita no Livro dos Juízes (13-16) e no Novo Testamento (Hebreus 11,32).
• Nascido de uma mãe estéril e consagrado a Deus como Nazireu. (Não poderia cortar o cabelo e nem tocar em defuntos, coisas imundas, beber vinho, entre outras posturas que teria que tomar diante de Deus). (Jz 13:5)
• Casou-se com uma mulher do povo filisteu. Mesmo tendo seus pais o contrariado, Sansão persistiu em querer casar com ela. E Deus tinha um propósito nisso. Jz 14:4.
• Sansão matou um leão (JZ 14:5,9) E depois retirou mel do cadáver do Leão.
• Casou-se e desafiou aos filisteus com um enigma (Jz 14:12,20) Por isso os filisteus ameaçaram sua esposa e ele entregou o enigma. E Sansão foi traído pelo seu amor que contou seu enigma aos filisteus. Por isso Sansão matou 30 homens. E a sua mulher amada foi dada ao seu amigo. O seu sogro lhe ofereceu a irmã da mulher que ele amava.
• Vingou-se com as Raposinhas, por isso os filisteus queimaram seu sogro e a mulher que ele amava. Israel prendeu Sansão e o entregaram aos filisteus. E Sansão matou mil homens (15:3,6).
• Quando teve sede, clamou ao Senhor e Deus abriu uma rocha e desta rocha saiu água.
Sansão nasceu para libertar o povo de Israel que vivia dominado pelo Filisteus. Estes, que tinham um medo enorme da força do nazareno, tentavam sem sucesso prender Sansão.
A INVESTIDA DE SATANÁS: DALILA.
Satanás ofereceu Dalila para Sansão pois sabia que em sua alma haviam marcas que o fragilizavam nesta área.
Os governantes filisteus, sabendo da paixão de Sansão pela filistéia Dalila, aliciaram a jovem, com 1100 moedas de prata, a descobrir a origem da força invencível de Sansão. Dalila amava Sansão, mas este amor era inferior ao que sentia pelo seu povo. Com o seu grande poder de sedução, Dalila tentou não só desvendar de Sansão o segredo da sua força, como também arranjar uma forma para que ele fosse dominado pelos finisteus.
Começou como em uma brincadeira, e Sansão participava desta brincadeira mentindo em suas respostas, pois sabia que poderia cair novamente no mesmo erro.
Primeiramente, Sansão disse-lhe que ficaria vulnerável como qualquer outro homem, se o amarrassem com sete fibras novas de arco que não tivessem sido secas. Dalila atou Sansão com as sete fibras, durante o sono mas, quando os Filisteus chegaram para o levar, ele arrancou as fibras sem dificuldade.
À segunda tentativa de Dalila, Sansão disse-lhe que seria, facilmente, dominado se fosse amarrado por cordas novas, mas também destas se libertou, sem custo, quando chegaram os Filisteus.
A terceira versão de Sansão foi tão falsa como as duas anteriores, pois quando Dalila teceu as sete madeixas do cabelo de Sansão com uma rede e as apertou com um gancho, durante o sono de Sansão, este voltou a libertar-se facilmente.
Pela persistência Dalila conseguiu saber o segredo da força de Sansão. Este disse-lhe que, se os seus cabelos fossem cortados, a sua força abandoná-lo-ia e ficaria fraco como uma criança.
Sansão dorme no colo de Dalila e ela chama um filisteu pra cortar seu cabelo. Mais uma vez Sansão é traído pelo seu amor. Há muitos crentes dormindo no colo do diabo, enquanto ele está acordado atuando para roubar a unção e o poder que foi concedido por Deus.
Sansão adormeceu no colo de Dalila e então suavemente os Filisteus cortaram-lhe os caracóis dos cabelos. Acordado, Sansão acreditava ainda ter força, mas foi rapidamente dominado pelos soldados, que lhe perfuraram os olhos e o prenderam com algemas de bronze. Sansão foi exposto e humilhado, publicamente, no caminho do templo de Dagôn, onde foi amarrado aos dois pilares que sustentavam o enorme edifício. A população juntou-se aos milhares para ver a derrota de Sansão.
SETE PONTOS DO FRACASSO DE SANSÃO
Temor a Deus
Quando o inimigo começou a rapar a cabeça de Sansão, ali se foi o temor que ele tinha de Deus. O sono era tanto, que ele não percebia que o inimigo estava rapando as suas tranças.
Assim é o crente quando sua vida é cheia de altos e baixos (comunhão debilitada) fracassado e sem firmeza. Se tiver só estudo na Igreja ele não vai. Se tiver só oração também não. Se não for pregar ou cantar ou fazer alguma coisa também não. Nada está bom, tudo é desculpa para não ir a Igreja, só vai quando quiser quando tiver vontade.
1) A PRIMEIRA TRANÇA: FIDELIDADE A DEUS E A IGREJA
Meu irmão o diabo está preocupado em como tirar o temor de Deus, da sua vida, não consinta meu irmão. Diga: "Senhor dá-me do Teu temor!" Provérbios 1.7 diz: "O temor do Senhor é o principio da sabedoria, os loucos desprezam a sabedoria...
Quando perdermos o temor, vai aí a fidelidade (fidelidade é ser digno de confiança). Não conseguimos mais ser fiel no evangelizar. A Palavra diz: "Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura...".
Não conseguimos ser fiel a Igreja. A palavra diz: ..."Não deixando vossa congregação como é costume de alguns, visto que vem o fim...") Hebreus 10.25.
Não consegue ser fiel nos dízimos e ofertas, não consegue ser fiel aos irmãos, é uma pessoa na frente e outra nas costas.
Diga: "Senhor, dá-me fidelidade na tua obra!
2)A SEGUNDA TRANÇA: :DOMÍNIO PRÓPRIO
A graça do domínio próprio nos leva a dizer: "Não a satanás!" (Lembre-se: "Resisti ao diabo e ele fugirá de vós...").
Quando alguém nos desafia a brigar, não consintas, lembre-se que quando um não quer dois não brigam. Quando um não ouve a fofoca, outro não fala mal...
Quando uma pessoa não realiza estes 'domínios', é porque está vazia da unção.
3)A TERCEIRA TRANÇA:FALTA DE PAZ
Quando sentimos falta de paz em nossas vidas, aí vem a desconfiança, a ira, o conflito, sua consciência não está tranqüila, falta de perdão, algo que incomoda, insegurança.
No dicionário bíblico, paz é Shalom. Siginifica estar completo, com saúde, bem estar, em harmonia, segurança física ou bem estar espiritual. (Salmos 85: "A misericórdia e a verdade se encontram, a justiça e a paz se beijam."
Você está em paz com teu irmão, com a Igreja, com o teu Pastor?
Deus quer trazer paz, Deus quer renovar nossas forças. Diga: "Deus meu, dá-me paz perfeita, paz completa!"
4)A TRANÇA DE SANSÃO. FALTA DE ALEGRIA
Quando a alegria nos falta, aí vem a tristeza, o choro, a angustia e a depressão. Quantas vezes não conseguimos nos alegrar no Espírito, no louvor. A oração fica vazia. A graça e a alegria se foram
A alegria é característica da vida cristã nesta terra, a alegria de poder estar com Cristo para sempre no reino dos Céus. Leia: Salmos 16.11 e Apocalípse 19.7. Nós devemos ter a alegria da salvação.
Diga: "Senhor, devolva-me a alegria!"
5)A QUINTA TRANÇA DE SANSÃO:FALTA DE FÉ
Fé falsa, patuá, horóscopo, jogo de bicho, loterias, bingo, em que está a sua fé? Se a sua fé está nestas coisas, então a sua fé é morta de derrota e fracassos.
O inimigo arrancava-lhe a sexta trança.
Se você perder a fé em Deus, vai ter fé em que meu irmão? Nossa fé tem que ser viva, no Deus vivo. A Bíblia diz que fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que não se vêem.
Quando não sentimos nada nem no louvor ou pregação, a fé está indo embora. Cuide da sua fé, Deus vai fazer de você chuva de bênçãos. Você crê? Diga: "Senhor aumenta a minha fé em Tí, eu não quero jamais duvidar!"
O que mais uma pessoa poderia perder? Já que perdeu o temor, a fidelidade, o domínio próprio, a paz, a alegria e a fé?
6)A SEXTA TRANÇA:FALTA DE FÉ
Que Sansão perdesse tudo mas não a esperança. Quando o inimigo tirou a 7ª trança, o Espírito de Deus apartou-se de Sansão. Até a 6ª trança, o Espírito ainda estava com ele. Desculpas como: "Não posso sair para visitar, hoje está frio, hoje está chuvendo, já trabalhei muito esta semana, nem participar do culto eu vou!", merecem cuidado!
Irmãos antes que a 7° trança seja tirada, desperta porque depois que esta foi tirada Sansão, ele se sentiu impossibilitado. Foi tirada a força dele, chegou até a pensar que Deus ainda estava com ele, mas já não estava mais, aí começou o facasso. Ele tentava lutar como antes, mas não conseguiu.
Filho desperta antes que a última trança seja tirada, arrancada de ti. Sansão dormia no colo de Dalila, o inimigo trabalhava silenciosamente, para não acordá-lo, Sansão não despertou. Você pode despertar, ainda há tempo. O Espírito queria que Sansão despertasse. Filho desperta, desperta nem tudo está perdido há uma esperança. Ainda que você já tenha fracassado, Deus quer te recompor.
7)A SÉTIMA TRANÇA:VISÃOE FORÇA:FIM DA UNÇÃO
Sansão teve seus olhos furados e foi escravizado. Quantos crentes perderam a visão e foram escravizados por pecados cometidos, conseqüência de erros. Por isso estão girando moinhos (trabalham, trabalham e não saem do lugar, ficam cegos, sobrecarregados e andando em círculos).
• Quando Sansão se lembrou de recorrer a Deus, já era tarde demais para viver.
• Sansão matou seus inimigos, mas morreu junto.
• Se você caiu e se desviou do caminho de Deus, ainda há tempo para o Senhor Recobrar suas forças.
• Se você cometeu erros que dão armas ao diabo para te enfraquecer, retirar sua unção, ainda há tempo para se arrepender e recuperar o que foi tirado antes de cair.
• Se você tem alguma marca ou fraqueza no passado, que de vez em quando Satanás te lança em rosto, peça a Deus que apague o seu passado e retire qualquer acusação ou legalidade contra você.
Que longe do que muitos pensam não foi Dalila que cortou os cabelos de Sansão. Dalila foi apenas articuladora da traição, quem cortou as 7 tranças de Sansão foi um filisteu enquanto ele dormia no colo de Dalila. Observe o texto: Jz 16:19. Sansão com os cabelos cortados, passou a ser subjugado por Dalila, e retirou-se dele a sua força.
A Igreja deve tomar cuidado com as carícias que o mundo oferece. A história de Sansão e sua queda com Dalila é um aviso para cada crente de hoje para não brincar com o que o mundo nos oferece.
Sansão foi a Gaza e viu a mulher que o derrubaria. Sansão não atentou para sua posição, um juiz de Israel, que não deveria frequentar certos lugares. Com excesso de auto-confiança deixou-se seduzir por Dalila. Ficou embriagado com suas carícias.
Quando o homem coloca seus desejos em primeiro lugar fica semelhante ao ébrio, que perde a noção da realidade, e fica suscetível aos prazeres que destroem a vida espiritual.
Fujamos do colo de Dalila! Fujamos do colo do mundo, da aparência do mal
Sansão era um homem cheio do Espírito Santo, de tal forma que quando enfrentava algum inimigo sua força aumentava e ele vencia pelo poder de Deus.